Logo | Ápex Odontologia

Gengivoplastia: o que é e cuidados pós-operatórios!

Atualizado em 28/09/2021
Tempo de leitura: 3 min.
A imagem mostra uma mulher branca e com os cabelos pretos, sorrindo na diagonal da câmera.

Nem todas as pessoas têm o sorriso totalmente simétrico e harmônico. Podem acontecer algumas diferenças que provocam desarmonias ou prejudicam a aparência dos dentes, mas isso não significa que estejam relacionadas a eles. Afinal, o formato e tamanho das gengivas também trazem impactos para a aparência.

Quando ela é grande demais, recobre muitos dentes ou está desalinhada é possível realizar uma gengivoplastia. O objetivo é reorganizar esses tecidos para que eles fiquem simétricos e, com isso, trazendo benefícios estéticos e funcionais.

Para que você entenda melhor o que é a gengivoplastia, preparamos este artigo explicando como ela é realizada e ainda de que maneira acontece o pós-operatório, para garantir que a recuperação aconteça sem imprevistos ou complicações. Continue lendo!

O que é gengivoplastia?

A gengivoplastia é uma cirurgia plástica realizada nas gengivas. Ela pode ser feita com o objetivo de trabalhar apenas os tecidos moles, ou também fazer intervenções nos ossos. Pode ter uma aplicação estética ou terapêutica ou ambas.

No primeiro caso a gengivoplastia é realizada com o objetivo de eliminar o excesso de gengiva ou desenhar as bordas dela. É indicada para tratar o sorriso gengival e para os casos em que há assimetria entre um dente e outro. Também para fazer um contorno mais harmônico do tecido, modelando melhor a dentição. Mas é importante que os dentes estejam bem posicionados e a mordida em equilíbrio! Do contrário primeiro faça o tratamento ortodôntico e depois complemente com a gengivoplastia!

No segundo caso a gengivoplastia é indicada para tratar fraturas dentárias que estão abaixo da gengiva, a formação de cáries nessa mesma região ou na raiz dentária. E ainda pode ser indicada para pessoas que têm um volume gengival muito grande, que dificulta a higienização dos dentes.

Como a gengivoplastia é realizada?

Embora seja um procedimento cirúrgico, a gengivoplastia é uma técnica não muito invasiva porém delicada de ser aplicada, por isso, ela é realizada no consultório do dentista. Não é preciso internação hospitalar e a anestesia local é suficiente para evitar dores e desconfortos.

Antes do procedimento o paciente passa por uma avaliação para definir de que maneira a cirurgia deve ser realizada, como será o resultado final, a quantidade de tecido que precisa ser removido, entre outros detalhes que são pertinentes de cada caso.

A remoção do tecido em excesso, bem como a modelagem das bordas da gengiva, é feita com a utilização de um bisturi convencional. Depois de finalizar as intervenções o dentista pode fazer algumas suturas para facilitar a cicatrização dos tecidos. Os pontos são retirados cerca de 10 dias depois do procedimento.

Quais são os cuidados após a gengivoplastia?

Após a realização da gengivoplastia é recomendado que o paciente mantenha repouso naquele dia para evitar desconfortos e sangramentos. São receitados medicamentos para controlar reações como dor e sensibilidade, que costumam ser comuns nos primeiros dias.

Durante a primeira semana é preciso ter muito cuidado com a alimentação, evitando os alimentos muito rígidos e difíceis de mastigar. É preferível optar por líquidos ou pastosos, frios ou em temperatura ambiente.

A higienização bucal precisa acontecer rigorosamente a fim de evitar que bactérias se multipliquem. Ela é realizada conforme a recomendação do dentista utilizando apenas os produtos indicados por ele, para evitar agressões ao tecido operado.

Ainda nos primeiros dias é preciso evitar muito esforço físico, pois eles elevam a pressão sanguínea e isso pode favorecer sangramentos. Caso o dentista recomende medicamentos, como anti-inflamatórios, eles precisam ser administrados conforme a receita. É interessante evitar movimentações com a boca, preferindo falar o menos possível.

O tempo estimado para cicatrização inicial é de cerca de uma semana, já não tendo tanto desconforto, mas isso pode variar dependendo da resposta orgânica de cada paciente, também de como ele realiza os cuidados no pós-operatório. Afinal, eles são fundamentais para evitar complicações, como inflamações e infecções. A cicatrização completa da gengiva, onde ela se apresentará com o resultado final de tamanho e aspecto se dá em até 40 dias!

A gengivoplastia é uma cirurgia de baixa invasividade e que proporciona excelentes resultados funcionais e estéticos para o sorriso. Seguindo as recomendações do dentista para o pós-operatório a recuperação é rápida e tranquila, os resultados aparecem em pouco tempo e são ainda melhores.

Por Dr. Marcos Ney Pizzocolo
CRO-SP 56458. Formado pela Universidade Paulista – UNIP – em 1995 e pós-graduado em especialização de prótese dentária. Atua na área de estética, implante, cirurgia oral e reabilitação oral.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 | 04 / 03 / 21
O sangramento na gengiva é causado principalmente pela gengivite, porém, outros fatores também podem levar a essa condição, como lesões e bruxismo. A prevenção é feita de acordo com aquilo que está causando o problema, em especial mantendo uma boa higiene bucal. Você já percebeu a sua gengiva sangrando? Como ela é um tecido bastante […]
Ler Mais
 | 20 / 01 / 21
A gengivite não é o único problema que atinge a gengiva, ela também pode desenvolver retração. Entenda o que é esse problema, suas causas e como pode ser tratado.
Ler Mais
Logo | Ápex Odontologia

Ápex Odontologia 2021 | Desenvolvido em WordPress por Surya Marketing Médico.

magnifiercross