Logo | Ápex Odontologia

Clareamento dental caseiro: vale a pena?

Atualizado em 29/09/2021
Tempo de leitura: 3 min.
Clareamento dental caseiro: vale a pena? | Por Ápex Odontologia | Dentista SP Brooklin

Você já deve ter visto na internet, ou ouvido alguém falar sobre receitas caseiras para fazer clareamento dental. Elas são muito populares porque prometem resultado rápido, quase sem custo e sem precisar ir ao dentista.

Apesar de soar como vantajoso, será que de fato vale a pena clarear os dentes em casa, sem o acompanhamento de um profissional? É isso o que vamos explicar neste post, e você vai entender se existe algum risco para sua saúde bucal. Continue lendo.

Por que o dente fica mais branco?

Apesar de dizermos que o dente é branco, na verdade o esmalte pode ter colorações muito distintas para cada pessoa. Existem variações de tons amarelados, acinzentados e até mesmo avermelhados. Assim, a cor natural do dente varia bastante, e ela muda ao longo da vida em função do envelhecimento das células e das manchas que que se acumulam.

Quando uma pessoa opta por fazer um clareamento dental caseiro com água oxigenada, carvão, limão ou bicarbonato, o que acontece é que ela provoca um desgaste no esmalte. Assim, as partículas que compunham as manchas se desprenderão e o dente ficará mais claro, não exatamente branco.

O problema maior é que o esmalte é agredido durante esse processo. Ele é um tecido mineral, que apesar de muito resistente, também pode ser lesionado quando entra em contato com substâncias agressivas. O clareamento dental caseiro causa o desgaste do esmalte, seja pela erosão ou pela abrasão, ele perde camadas e fica mais sensível.

Consequências do clareamento dental caseiro

Como dito, o clareamento dental caseiro provoca agressões no esmalte dentário, mas não é só isso. Dependendo da substância utilizada, ele também provoca lesões nas mucosas orais e nos tecidos. Clarear os dentes em casa traz algumas consequências para a saúde bucal, entre elas:

Aumento da sensibilidade

O esmalte dentário possui poros, e quando ele é agredido, existe uma exposição maior desses canais. Como resultado, as variações de temperatura e algumas substâncias conseguem atingir as partes nervosas do dente, que passa a manifestar sensibilidade.

Erosão

A abrasão excessiva também causa erosão no esmalte, porém, o uso de substâncias e ingredientes ácidos é o que mais provoca esse problema. Sua composição agride o esmalte e leva à perda de tecido, o que provoca lesões e desgastes que deixam os dentes sensíveis e vulneráveis.

Queimaduras

Ocorrem, em especial, quando são utilizadas substâncias químicas ou misturas. Os kits vendidos clandestinamente e sem indicação de um especialista também as provocam. Essas lesões afetam a parte interna das bochechas, gengivas, língua e mucosas.

Essas são algumas complicações que podem se agravar e levar a quadros mais sérios, que vão comprometer gravemente a saúde bucal:

  • cáries;
  • aftas;
  • ulcerações;
  • gengivite;
  • inflamações;
  • retração gengival.

Por isso, não vale a pena fazer um clareamento dental caseiro sem consultar um dentista. Essa é uma prática muito arriscada que podem trazer consequências graves para seus dentes, e ao invés de bons resultados, você terá problemas.

Porque consultar um especialista para clarear os dentes?

Como você viu, as receitas e ingredientes caseiros para clareamento dental podem afetar a saúde dentária. Isso não acontece ao fazer o clareamento com um profissional.

Isso porque ele fará uma avaliação dos seus dentes para adotar a técnica ideal, afinal, cada pessoa possui necessidades e particularidades únicas, e sendo assim, cada caso deve ser tratado de forma personalizada.

Existe a opção de fazer o clareamento dental caseiro acompanhado pelo dentista. Nesse caso,  ele indicará o uso do gel adequado, pelo tempo certo e com moldeira confeccionada especificamente para a sua boca.

Esse clareamento não é igual àqueles vendidos na internet, no comércio ou em ambulantes. Ele segue padrões e normas de saúde para garantir que você terá segurança durante o tratamento. E ainda há o suporte e supervisão do dentista, para que nada aconteça de errado.

Por isso, se você quer fazer um clareamento dental, faça do jeito certo para não prejudicar sua saúde bucal e acabar tendo resultados negativos. Consulte um dentista para que ele possa lhe instruir e indicar a técnica ideal para que seus dentes fiquem bonitos e saudáveis.

Por Dr. Marcos Ney Pizzocolo
CRO-SP 56458. Formado pela Universidade Paulista – UNIP – em 1995 e pós-graduado em especialização de prótese dentária. Atua na área de estética, implante, cirurgia oral e reabilitação oral.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 | 14 / 05 / 21
A lente de contato dental tem sido muito procurada ultimamente, mas será que realmente vale a pena fazer o tratamento com esse laminado? Descubra!
Ler Mais
 | 29 / 12 / 20
Você sabe usar o fio dental do jeito certo? Descubra qual é a técnica mais adequada para utilização desse produto, a fim de garantir uma higiene bucal perfeita.
Ler Mais
1 2 3 6
Logo | Ápex Odontologia

Ápex Odontologia 2022 | Desenvolvido em WordPress por Surya Marketing Médico.

magnifiercross