Logo | Ápex Odontologia

Afinal, para que serve o Elástico Ortodôntico?

Atualizado em 25/05/2022
Tempo de leitura: 3 min.

O elástico ortodôntico é um acessório que o ortodontista instala em aparelhos fixos ou no invisalign com o objetivo de promover movimentações em áreas específicas da arcada dentária. O objetivo é promover um melhor encaixe de um dente ou de grupos de dentes.

Você já deve ter visto uma pessoa usando aparelho ortodôntico fixo juntamente com alguns elásticos, no invisalign é mais difícil perceber porque são mais estéticos. Esses acessórios são muito comuns durante o tratamento e contribuem de uma forma significativa para alcançar os resultados esperados.

Mas se o arco já tem a função de promover as movimentações dos dentes, para que servem os elásticos? Eles realmente são necessários no tratamento ou podem ser dispensados? Todo mundo precisa usar elástico? 

Continue lendo para conferir a resposta de todas essas perguntas e ficar por dentro do assunto!

Qual é a Função do Elástico ortodôntico? 

O elástico ortodôntico é uma liga confeccionada em látex ou silicone, que geralmente é utilizada em conjunto com os aparelhos ortodônticos fixos ou móveis.

A função do elástico ortodôntico é estimular as movimentações dentárias. Eles são instalados no aparelho com o objetivo de melhorar os resultados do tratamento, em alguns casos, podem até mesmo acelerar esses resultados, fazendo com que o paciente possa retirar o aparelho em menos tempo.

Os elásticos podem ter diferentes cores, diâmetros e espessuras. Tudo vai depender da necessidade em cada tratamento. Seja como for, esses acessórios podem ser utilizados para movimentar dentes de forma individual, sem mexer em todo o conjunto da arcada, mas também podem movimentar grupos de dentes. Em alguns casos, conseguimos trabalhar os ossos da face assim. O intuito é promover um encaixe mais adequado dos dentes e da mordida.

Quando é Indicado usar o Elástico? 

A real necessidade de uso do elástico ortodôntico será estabelecida pelo próprio ortodontista. Ele vai avaliar caso a caso para verificar se para aquele paciente o elástico traria bons resultados, se ele é necessário ou não.

De toda forma, o elástico pode ser utilizado logo no começo do tratamento ortodôntico para fazer a correção dos dentes que estão mais desalinhados. No meio do tratamento, o elástico é interessante para promover o encaixe mais adequado da mordida quando existem alterações nela. Também podemos usar o elástico ortodôntico no final do tratamento, com o objetivo de acelerar os resultados para que o dispositivo seja retirado mais rápido.

Todo mundo precisa usar o Elástico ortodôntico? 

Um fato que não podemos esquecer sobre o tratamento ortodôntico é de que ele não é igual para todos os pacientes. Cada pessoa tem as suas próprias características referentes às arcadas dentárias e aos ossos da face, por isso, os problemas que apresentam são bem diferentes.

Cada tratamento ortodôntico precisa ser planejado de uma maneira individual com base em uma série de análises e de exames, e é justamente por isso que cada paciente que começa usar o aparelho pode precisar de um dispositivo diferente, usa por um tempo diferente e também necessita de acessórios diferenciados.

Isso significa que nem todo mundo que faz um tratamento ortodôntico de fato precisará usar o elástico também. Ele apenas será indicado caso o ortodontista perceba que isso fará alguma diferença positiva no tratamento.

Geralmente o elástico ortodôntico é necessário, mas existem pacientes que não precisam dele, e isso não influencia na qualidade dos resultados. Tanto usando o elástico quanto sem necessitar dele, as correções e movimentações serão feitas para que as arcadas se encaixem perfeitamente e os dentes estejam alinhados.

Como o Elástico é Utilizado?

É importante lembrar que o elástico ortodôntico é um acessório que pode ser retirado pelo próprio paciente, e isso requer um comprometimento ainda maior dele com o seu tratamento. O ideal é que o elástico seja retirado apenas na hora de comer e escovar os dentes, para não interromper a evolução, na verdade, se conseguir comer de elástico, pode ser uma boa opção para não ter o risco de ficar sem por ter esquecido de recolocá-lo!

Além disso, é preciso fazer a troca do elástico conforme a indicação do ortodontista. Isso porque a tendência é de que o material perca a força e deixe de exercer a pressão necessária para promover as movimentações. Depois de certo tempo ele já não consegue realizar bem o seu trabalho.

Mas não tem segredo, porque o elástico fica apenas encaixado no aparelho. O dentista ensinará como fazer essa troca colocando na mesma posição em que estava, para que os movimentos aconteçam conforme planejado.

Se o seu ortodontista indicar o uso do elástico ortodôntico, esclareça todas as dúvidas sobre como manusear esse acessório e use de acordo com as indicações dele. Assim as correções serão ainda mais eficientes e em pouco tempo você terá o seu sorriso harmônico e simétrico.

Por Dra. Lícia Ney Pizzocolo Gonzalez
CRO-SP 61423. Formada pela Universidade Estadual de São Paulo – UNESP – em 1998, é pós-graduada pela UNICAMP em especialização de periodontia e pela ABCD em especialização de ortodontia. Atua na área de estética, cirurgia oral e implante.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

 | 22 / 04 / 22
Entenda o que pode provocar uma disfunção na articulação temporomandibular e descubra quais são os sintomas que indicam esse problema em curso.
Ler Mais
 | 16 / 03 / 22
Saiba em quais situações é necessário realizar a frenectomia e descubra em qual idade essa cirurgia é mais recomendada.
Ler Mais
1 2 3 12
magnifiercross