Logo | Ápex Odontologia

Como utilizar corretamente o fio dental nos dentes? Descubra!

Atualizado em 20/10/2021
Tempo de leitura: 4 min.
A imagem mostra uma mulher passando um fio dental

O modo correto de usar o fio dental é após todas as refeições, porém, uma vez por dia, antes de dormir, passando entre todos os dentes até a região da gengiva, com bastante critério, já é bastante razoável. Deve ser utilizado um fio adequado para cada tipo de dentição, a fim de promover uma higiene completa.

A escova é fundamental para fazer a limpeza dos dentes, porém, ela sozinha não consegue higienizar completamente a dentição. Isso porque existem alguns cantinhos que ficam escondidos das suas cerdas, por isso, antes da escovação é preciso começar a higiene usando o fio dental.

Esse também é um produto indispensável para eliminar os resíduos de alimento que ficam na boca, porém, ele precisa ser utilizado do jeito certo para realmente apresentar eficiência e não oferecer nenhum tipo de risco para os tecidos bucais.

Nem todo mundo sabe como usar o fio dental corretamente, e foi por isso que nós preparamos este artigo. Nele esclarecemos as principais dúvidas para que você aprenda a técnica e higienize sua boca com eficiência.

Como usar o fio dental?

Assim como existe uma forma correta de fazer os movimentos para escovar os dentes, existem técnicas para aplicar o fio dental. É preciso usá-lo do jeito certo para que toda a placa bacteriana e resíduos sejam removidos da arcada dentária.

Além disso, existe uma frequência ideal e também um tipo de produto mais indicado para cada pessoa. São diversos detalhes para que você promova uma higienização eficiente e mantenha o equilíbrio da sua saúde bucal. Então veja a seguir os principais aspectos que precisa conhecer para cuidar bem do seu sorriso com esse produto.

Frequência adequada

O ideal é utilizar o fio sempre após as refeições, porém essa higiene completa pode ser realizada ao final do dia, antes de ir dormir, para garantir que todos os resíduos e a placa bacteriana sejam removidos do esmalte dentário.

Tanto o fio dental quanto a escovação não são responsáveis por retrair a gengiva.

Não existe uma regra se o fio dental deve ser usado antes ou depois da escovação. Porém, antes de escovar os dentes é mais recomendado. Deste modo, você pode proceder como julgar mais confortável. O importante é fazer um bochecho para eliminar os resíduos depois de ter aplicado o fio.

Técnica correta

Para aplicar o fio dental do jeito certo comece destacando cerca de 40 cm do produto. Enrole o fio no dedo médio, e com o polegar e o indicador, faça o movimento de pinça para direcionar o fio entre os dentes.

Insira delicadamente o fio dental entre os dentes. Faça um movimento de deslizar sem forçar excessivamente para baixo porque isso poderia fazer o fio penetrar de uma forma brusca, ferindo a gengiva. Porém o fio dental tem que "sumir" dentro da gengiva  para limpar adequadamente.

Siga deslizando o fio de modo que ele abrace um dos dentes; em seguida, faça o mesmo com o outro para garantir que ambos sejam limpos. Depois, deslize o fio direcionando para cima, a fim de retirar do vão entre os dentes.

Enrole essa porção que foi usada no dedo médio que tem uma quantidade menor de fio dental. Assim você vai liberar um pedaço limpo do produto para usar no próximo vão. Siga fazendo dessa forma até higienizar toda a arcada superior e inferior. Se necessário, destaque mais um pedaço de fio.

Área de aplicação

O fio dental deve ser aplicado em todos os vãos dos dentes, tanto da arcada superior quanto inferior. Mas também é importante que ele seja deslizado de uma forma gentil um pouco para dentro da gengiva, penetrando sua borda.

Essa região também acumula placa bacteriana, e se não for retirada, leva à formação do tártaro. Não se esqueça, ainda, de passar o fio dental também atrás do último dente, para limpar a região da gengiva que está ali.

Tipo de fio

Existem diferentes tipos desse produto no mercado com características distintas. Você encontra, por exemplo:

  • fio dental – comum e encerado;
  • fita dental – comum e encerada;
  • superfloss;
  • fio com haste.
  • Passa fio

Essas variações foram criadas para atender pacientes com necessidades distintas. Alguns, por exemplo, têm uma dentição mais apertada, sendo necessário usar um fio mais fino para conseguir penetrar entre os dentes. Outras pessoas têm uma dentição mais afastada, algumas vezes até mesmo com espaços, exigindo um fio mais volumoso para fazer a limpeza.

O produto que vem com haste é uma boa alternativa para quem usa aparelho ortodôntico fixo. Isso porque essa pequena ponta plástica ajuda a inserir o fio dental por dentro do braquete, para ter acesso ao vão entre os dentes. Assim, escolha o produto que se adequa melhor às suas necessidades.

O passa fio é um outro instrumento que auxilia a utilização do fio não somente em dentes com aparelho ortodôntico, mas também embaixo de próteses ficas de três elementos ou mais.

O mais importante é que você use o fio dental diariamente porque ele é um produto indispensável para remover os resíduos de alimento da boca. A higienização não fica completa sem ele, já que as bactérias vão se proliferar nos restos que não foram eliminados. Se você tiver dúvida sobre a técnica ou o tipo de fio ideal, consulte o dentista da sua confiança.

Por Dr. Marcos Ney Pizzocolo
CRO-SP 56458. Formado pela Universidade Paulista – UNIP – em 1995 e pós-graduado em especialização de prótese dentária. Atua na área de estética, implante, cirurgia oral e reabilitação oral.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 | 14 / 05 / 21
A lente de contato dental tem sido muito procurada ultimamente, mas será que realmente vale a pena fazer o tratamento com esse laminado? Descubra!
Ler Mais
 | 22 / 11 / 19
O que você sabe sobre faceta de porcelana? Confira algumas informações sobre esse procedimento para descobrir o que é mito ou verdade.
Ler Mais
1 2 3 6
Logo | Ápex Odontologia

Ápex Odontologia 2021 | Desenvolvido em WordPress por Surya Marketing Médico.

magnifiercross