Logo | Ápex Odontologia

Qual a função do Aparelho de Contenção Fixa e quando é indicado?

Atualizado em 10/08/2022
Tempo de leitura: 3 min.

O aparelho de contenção fixa tem a função de evitar a recidiva, movimento que os dentes podem realizar depois do tratamento ortodôntico e que faz com que eles fiquem tortos outra vez. Esse dispositivo costuma ser indicado para o uso na arcada inferior depois de retirar o aparelho ativo.

Praticamente todos os pacientes que fazem tratamento ortodôntico querem tirar o aparelho o mais rápido possível. É um alívio quando esse dia chega, mas o que nem todos contam é que agora inicia a fase de uso do aparelho de contenção fixa e/ou móvel.

Essa etapa também faz parte do tratamento ortodôntico e é muito importante para garantir os resultados que foram alcançados. Negligenciar o uso desse aparelho pode trazer sérios prejuízos, e nós vamos explicar quais são eles.

Continue lendo para entender o que o aparelho de contenção fixa faz, por que ele é tão importante e quando é indicado usar!

O que o Aparelho de Contenção Fixa faz?

A função dos aparelhos de contenção, tanto o fixo quanto o móvel, é evitar que os resultados alcançados com o tratamento ortodôntico sejam perdidos. Esses dispositivos mantêm os dentes na posição ideal, evitando que entortem de novo.

O aparelho de contenção fixa costuma ser utilizado na arcada dentária inferior. Ele tem uma estrutura diferente do dispositivo móvel, já que se trata de apenas um fio metálico que o dentista fixa na face dos dentes que se mantém em contato com a língua.

Esse aparelho pode ser fixado em quatro, seis dentes ou mais, conforme a necessidade de cada paciente. Essa contenção é fixa justamente para evitar que o paciente acabe esquecendo de usar o aparelho.

Os dentes da arcada inferior têm mais propensão para a perda do tratamento realizado. O que o aparelho de contenção fixa faz é manter os dentes alinhados da maneira como o aparelho ortodôntico deixou. Ele não faz nenhum tipo de pressão, apenas permanece ali como uma espécie de barreira para garantir que não haja novas movimentações.

Por que esse aparelho é tão importante?

Explicamos no tópico anterior que a função do aparelho de contenção fixa é evitar que aconteçam novas movimentações dentárias. Essas movimentações são a tendência natural que os dentes têm de voltar a sua posição original, ou seja, de entortarem outra vez.

Os dentes se mantêm fixos na boca em função do periodonto, um conjunto de tecidos (gengiva, osso e ligamentos) que têm uma espécie de memória, e é ela que faz com que naturalmente os dentes tenham tendência a voltar à posição em que estavam antes do tratamento.

O aparelho de contenção fixa evita que essa memória dos tecidos periodontais entre em ação e deixem os dentes tortos. O risco de isso acontecer varia de pessoa para pessoa de acordo com as características do seu organismo, do equilíbrio da "nova" mordida e da adaptabilidade desses tecidos.

De toda forma, como sempre existe o risco da recidiva, como esses movimentos são chamados, é muito importante usar o aparelho de contenção fixa para manter a dentição devidamente alinhada.

Quando é indicado usar Aparelho de Contenção Fixa?

O aparelho de contenção é importante para todos os pacientes que fazem tratamento ortodôntico. A necessidade de usar a contenção fixa ou móvel e o tempo pelo qual isso deve ser feito é definido pelo ortodontista.

Cada tratamento ortodôntico é único e o protocolo é individualizado conforme o tipo de problema que foi corrigido e também a gravidade dele. Assim, é o ortodontista que vai definir se o aparelho de contenção fixa é mais ou menos indicado.

De toda forma, como dito, ele costuma ser utilizado na arcada inferior e o aparelho de contenção móvel é mais utilizado na arcada superior. As contenções devem ser colocadas após a finalização das movimentações ortodônticas, e seu uso deve ser monitorado pelo ortodontista até que elas possam ser removidas de forma gradual e sob orientação do profissional! De qualquer forma o acompanhamento preventivo deve ser continuado, pois movimentos dentários podem acontecer a qualquer tempo.

Os aparelhos de contenção fixa e móvel são indispensáveis para finalizar o tratamento ortodôntico. Essa é uma etapa fundamental para manter os resultados alcançados. Se você tiver dúvidas, converse com o ortodontista responsável pelo seu caso, mas siga à risca as recomendações dele para que você mantenha o seu sorriso alinhado e harmônico.

Por Dra. Lícia Ney Pizzocolo Gonzalez
CRO-SP 61423. Formada pela Universidade Estadual de São Paulo – UNESP – em 1998, é pós-graduada pela UNICAMP em especialização de periodontia e pela ABCD em especialização de ortodontia. Atua na área de estética, periodontia e ortodontia e também é Invisalign Doctor.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 | 12 / 04 / 24
Conheça as características e os diferenciais do Invisalign para entender como esse aparelho ortodôntico funciona e suas vantagens.
Ler Mais
 | 19 / 02 / 24
Você sabia que o tratamento ortodôntico também pode envolver a fixação de mini implantes? Entenda o que eles são e como o procedimento funciona.
Ler Mais
1 2 3 18
Ligue para agendar
magnifiercross