Logo | Ápex Odontologia

Clareamento dental: saiba como cuidar dos dentes após o procedimento

Tempo de leitura: 3 min.

O clareamento dental é um tratamento que precisa ser repetido depois de algum tempo, mas você pode manter os resultados adotando certos cuidados, como escovar os dentes após cada refeição, evitar alimentos pigmentados, abandonar o tabaco e fazer a limpeza de consultório periodicamente.

O clareamento bucal é um dos procedimentos mais populares hoje em dia. Ele promove mudanças significativas no aspecto do sorriso por deixar os dentes mais claros, com a vantagem de trazer resultados rápidos, além de ter poucas contraindicações.

O que não podemos esquecer é que o clareamento dental não é um procedimento definitivo. Isso significa que com o passar do tempo a tendência é de que os dentes voltem a ficar amarelados, já que esse é um processo natural que acontece com todas as pessoas.

Por isso, é preciso cuidar dos dentes do jeito certo depois de fazer o clareamento para prolongar ao máximo os resultados. E nós preparamos este artigo para explicar quais são esses cuidados para que seus dentes permaneçam brancos por mais tempo. Continue lendo e descubra como garantir a longevidade do seu clareamento dental!

Mantenha uma boa higiene bucal 

A regra que vale para cuidar da saúde dos seus dentes também é uma recomendação importante para manter os resultados do clareamento dental. É essencial realizar uma boa higiene escovando os dentes após cada refeição.

A escovação deve ser feita com creme dental recomendado pelo dentista usando uma escova de cerdas macias, para evitar danos na superfície do esmalte. Isso é indispensável porque depois de nos alimentarmos partículas se depositam na superfície do esmalte causando novas manchas e reduzindo o tempo do clareamento.

Não se esqueça de usar o fio dental pelo menos uma vez por dia e, se for finalizar com o enxaguante, prefira aqueles sem álcool e com a menor quantidade de corantes.

Evite corantes e pigmentos 

Diversos alimentos naturais e industrializados contêm corantes ou pigmentos. Não importa a tonalidade deles, pois todos se depositam no esmalte dentário, penetram seus micro canais e provocam alterações de tonalidade, reduzindo a durabilidade dos clareamento.

Por isso é interessante evitar esses alimentos com muitos pigmentos, por exemplo, açaí, café, beterraba, refrigerantes, refrescos em pó e molhos prontos. Mas não significa cortar esses alimentos do cardápio.

Se você tiver alternativas para substituir, pode fazer isso. Entretanto, realizar uma boa escovação depois da ingestão também é suficiente para não deixar que as partículas se acumulem. 

Use um canudo para as bebidas 

Uma alternativa para não deixar que os dentes tenham contato excessivo com os corantes das bebidas é usar um canudo. Com ele você consegue apreciar os sucos que mais gosta, minimizando os riscos de causar manchas nos dentes ou o escurecimento do esmalte.

Caso você esteja em um restaurante e não tenha como escovar os dentes em seguida, pode fazer bochechos ou comer uma maçã. Essas medidas ajudam a reduzir a quantidade de partículas depositadas no esmalte.

Prefira se abster do tabaco 

Não é novidade que o cigarro causa danos severos para os dentes e a saúde bucal como tudo. No caso do clareamento dental, ele também é um grande vilão, sendo uma das principais causas do amarelamento do esmalte.

Portanto, prefira se abster completamente do tabaco para garantir que seus dentes continuem brancos, e também para evitar todos os outros problemas que o cigarro traz, como o mau hálito, a gengivite, a periodontite e até mesmo câncer de boca. 

Faça a profilaxia dentária 

O dentista é o seu grande aliado para manter os bons resultados alcançados com clareamento dental. Isso porque ele faz a profilaxia dentária, ou seja, a limpeza de consultório. Esse é um tratamento preventivo muito importante para o equilíbrio da sua saúde bucal e para a estética do seu sorriso.

Durante a limpeza, que faz uma verdadeira faxina na boca, o dentista remove acúmulos de impurezas e resíduos que a escova não tenha alcançado. Assim, faz um tratamento especial que renova a sua dentição para que ela se mantenha livre de manchas. Lembre-se de perguntar para o especialista a periodicidade ideal para fazer a limpeza no seu caso.

Seu dentista também pode ter algumas recomendações específicas para você conseguir manter por mais tempo os resultados do clareamento dental, de acordo com as suas características individuais e estilo de vida. Converse com ele pedindo instruções para cuidar bem dos seus dentes mantendo a saúde e a beleza deles. 

Por Dra. Lícia Ney Pizzocolo Gonzalez
CRO-SP 61423. Formada pela Universidade Estadual de São Paulo – UNESP – em 1998, é pós-graduada pela UNICAMP em especialização de periodontia e pela ABCD em especialização de ortodontia. Atua na área de estética, cirurgia oral e implante.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

 | 30 / 03 / 22
A lente de contato e a faceta de porcelana são parecidas, mas não iguais. Entenda as diferenças entre elas, suas características e indicações.
Ler Mais
 | 14 / 05 / 21
A lente de contato dental tem sido muito procurada ultimamente, mas será que realmente vale a pena fazer o tratamento com esse laminado? Descubra!
Ler Mais
1 2 3 7
magnifiercross