Logo | Ápex Odontologia

O que é ATM?

Tempo de leitura: 3 min.

A ATM é a articulação que permite movimentarmos a mandíbula. Ela pode ser acometida por disfunções, problemas que são chamados de DTM, e que são causados por diferentes fatores, como traumas, problemas no desenvolvimento ósseo, dos dentes e desordens musculares.

Você já percebeu a facilidade que os seres humanos têm de movimentar a sua mandíbula, ou seja, a parte de baixo da boca? Toda essa mobilidade é possível devido a uma articulação localizada na lateral da face. 

Ela é uma estrutura muito complexa e, por isso, pode sofrer desgastes e disfunções devido a diferentes fatores. Quando isso acontece, surgem os mais variados sintomas, que prejudicam de uma forma significativa a qualidade de vida e o funcionamento da mandíbula.

Como esse é um problema muito comum, preparamos este artigo para explicar para você o que é a ATM e como identificar os sintomas de problemas que atingem essa articulação. Continue lendo para saber mais!

O que é ATM?

Antes de tudo, é preciso entender ao certo o que é a ATM porque ela costuma ser muito confundida com as disfunções que afetam a articulação.

A sigla ATM se refere à articulação temporomandibular. Nós temos duas, uma de cada lado da face, localizadas bem à frente do ouvido. Se você colocar a mão próxima a ele e movimentar a boca poderá perceber essa articulação funcionando.

Essa é uma articulação muito complexa, uma vez que permite movimentarmos a mandíbula de diferentes formas. Perceba que ela pode ir para baixo, para cima e para os lados. Por isso, essa articulação é composta por diferentes tecidos, que garantem essa mobilidade e também muita força.

O problema acontece porque muitas vezes a ATM, ou seja, a articulação, é confundida com a sigla DTM ou DATM, que são as disfunções que afetam a articulação temporomandibular.

Para não restar dúvida:

  • ATM é a sigla que utilizamos para nos referirmos à articulação temporomandibular;
  • DTM e DATM são as siglas utilizadas para nos referirmos às disfunções que afetam a articulação temporomandibular.

O que causa disfunções na ATM?

Como você pode perceber, todas as pessoas têm ATM, que é articulação, mas nem todas elas desenvolvem uma DTM, que é a disfunção dessa estrutura.

As disfunções que afetam a articulação temporomandibular podem ser causadas pelos mais variados fatores. Geralmente isso acontece devido a uma alteração da posição da mandíbula que, gradativamente, leva a uma sobrecarga e esforço excessivo por parte dela, provocando desgastes e o mau funcionamento.

Essas alterações podem acontecer, por exemplo, por causa do desenvolvimento inadequado das arcadas dentárias. Elas não conseguem se encaixar perfeitamente e as movimentações durante o processo de mastigação causam a sobrecarga das estruturas.

Isso também pode acontecer devido a problemas com os dentes. Pessoas que apresentam quadros significativos de problemas ortodônticos, aquelas que tiveram desgastes dentários e as quais perderam algum dente também podem ter um mau funcionamento da articulação devido ao desequilíbrio provocado pela posição inadequada da dentição.

Os traumas que acometem a face são mais um motivo para uma disfunção na articulação temporomandibular. Até mesmo alguns hábitos, como mastigar apenas de um lado, dormir somente de um lado e ficar com a face apoiada sobre a mão, podem prejudicar a articulação temporomandibular.

Quais são os sintomas de disfunção na ATM?

Os sintomas de disfunções na articulação temporomandibular são muito evidentes e característicos. Eles podem ser percebidos pela própria pessoa porque causam uma série de desconfortos.

As dores na face, dor de cabeça e enxaqueca podem caracterizar uma DTM. Ela também causa dor de ouvido e dor ou pressão atrás dos olhos. Podemos perceber alguns estalos ou a impressão de ter areia na articulação na hora de movimentar a boca, seja para falar, bocejar ou para mastigar.

Ocorre, também, tensão e dores na musculatura, zumbido no ouvido, sensação de ouvido tampado ou surdez parcial. Há alterações na maneira como as arcadas dentárias se encaixam, dor ou dificuldade na hora de mastigar e, em quadros mais severos, pode haver a sensação de que a boca está travada, limitada ou desencaixando.

Esse problema tem tratamento?

As disfunções que afetam a articulação temporomandibular podem ser tratadas, e o ideal é que isso seja feito o quanto antes porque a tendência é que o desgaste se torne cada vez mais grave, levando até mesmo à necessidade de cirurgia.

Entretanto, quando o problema ainda está no começo, é possível eliminar o fator de base para preservar a estrutura da articulação. De toda forma, apenas um dentista é que pode fazer uma avaliação minuciosa para descobrir o que está causando esse mal funcionamento da ATM e sugerir o tratamento mais adequado.

Sendo assim, é muito importante prestar bastante atenção na manifestação de qualquer sintoma, ainda que ele seja suportável e sutil, afinal, a disfunção da articulação temporomandibular tende a agravar com o passar do tempo. Então, ao perceber qualquer sintoma desconfortável, procure o dentista para evitar a necessidade de tratamentos mais complexos. 

Por Dra. Lícia Ney Pizzocolo Gonzalez
CRO-SP 61423. Formada pela Universidade Estadual de São Paulo – UNESP – em 1998, é pós-graduada pela UNICAMP em especialização de periodontia e pela ABCD em especialização de ortodontia. Atua na área de estética, cirurgia oral e implante.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

 | 25 / 05 / 22
Descubra para que servem os elásticos instalados nos aparelhos ortodônticos e entenda se todos os pacientes precisam utilizar esse acessório.
Ler Mais
 | 16 / 03 / 22
Saiba em quais situações é necessário realizar a frenectomia e descubra em qual idade essa cirurgia é mais recomendada.
Ler Mais
1 2 3 12
magnifiercross